“A segunda vida das coisas” de NOA

O novo Single de NOA, "A segunda vida das coisas" “ surge depois da participação no emblemático Montreux Jazz Festival.

“A segunda vida das coisas” é o novo single do disco “Cicatriz” de NOA. Esta canção assenta na cativante simplicidade harmónica entre a voz de NOA e o piano de André Sarbib, uma das maiores referências do universo Jazz Português.

A segunda vida das coisas” remete para o lado abstrato da matéria física e visível. Se “uma porta não é só uma porta” é também a dor de uma despedida ou a euforia de uma chegada. Olhar e ver além…Musicalmente NOA vive de uma modernidade multicultural, onde tudo se cruza com a intenção de valorizar a riqueza das palavras, quer através da voz quer através das cordas do seu violino.

Devido a esta refinada mescla de bom gosto, NOA foi uma das primeiras artistas Portuguesas a ser convidada a atuar no emblemático, Montreux Jazz Festival na Suíça em 2018 que teve no cartaz nomes como: Jamie Cullum, Gregory Porter, Jorja Smith, QOTSA, Iggy Pop e Jack White.

Ao longo da sua carreira, NOA partilhou as suas canções com os artistas Brasileiros: Armandinho Macedo (A cor do Som), Luiz Caldas (OST “Tieta do Agreste”), Margareth Menezes (“Elegibo”), Gabriel Póvoas (diretor musical Daniela Mercury), Targino Gondim (compositor e vencedor do Grammy “Esperando na Janela”).Assim como, com os artistas Portugueses: Mico e Nuno da Câmara Pereira, Nuno Barroso e Cristina Bacelar.Devido à sua preocupação social, NOA na sua tour “Cicatriz” convida artistas com deficiências físicas e mentais para no seu espetáculo atuarem de uma forma verdadeiramente integrada, dando-lhes todo o destaque, para que com a sua diferença, criem novas formas de arte inclusiva.