Campeonato Mundial de Motovelocidade: Miguel Oliveira em 2.º lugar

O piloto português conseguiu uma recuperação histórica no circuito da Catalunha

Miguel Oliveira não conseguiu repetir, na Catalunha, na sétima prova do campeonato do mundo de motociclismo de velocidade, a vitória do passado dia 3 de junho, quando conquistou o primeiro lugar no Grande Prémio de Itália, em Moto2.

Mesmo assim, o piloto português conseguiu uma recuperação histórica ao partir do 17.º lugar da grelha, a sua pior posição da temporada, para o segundo lugar, tendo terminado a primeira volta na quinta posição, subindo até ao primeiro lugar na sétima volta da corrida. Porém, o francês Fabio Quartararo ultrapassou o português na nona volta e nunca mais descolou da liderança. O espanhol Alex Marquez terminou a corrida na terceira posição.

Miguel Oliveira soma 118 pontos, menos um do que Bagnaia, que este domingo não foi além do oitavo lugar. Recorde-se que este é o mais antigo Campeonato do Mundo de desportos motorizados – o primeiro ano de competição foi em 1949. O português participa na categoria de Moto2 com a equipa Red Bull KTM Ajo. Ganhou experiência em Moto3, tendo corrido na equipa da Estrella Galicia 0,0 em 2012 e na Mahindra Racing team em 2013 e 2014. Foi em setembro de 2014 que o piloto, natural de Almada, assinou com a Red Bull KTM Ajo.