Circo e ópera na rentrée do Coliseu Porto Ageas

Produções próprias estão em destaque na rentrée do Coliseu Porto Ageas que fica marcada por uma programação diversificada e para todos os públicos.

Nova temporada do Coliseu Porto Ageas arranca já a 13 de setembro. Um Festival Internacional de Circo, um Concerto de Outono com Mário Laginha no piano e a qualidade da Orquestra Metropolitana de Lisboa, a ópera “La Traviata” e o tradicional Circo de Natal estão entre os destaques da rentrée cultural do Coliseu Porto Ageas. Até dezembro, a Sala Principal vai receber cerca de 70 espetáculos, entre concertos, bailados, ópera, teatro e circo.

O primeiro espetáculo na Sala Principal do Coliseu Porto Ageas acontece a 13 de setembro, quinta-feira, às 21h30, e é de entrada gratuita. A companhia francesa The Rat Pack traz pela primeira vez a Portugal “Speakeasy”, inspirado no nome dado aos bares clandestinos que proliferaram durante a proibição do álcool nos anos 20 e 30 do século passado, nos Estados Unidos. É para o ambiente sombrio, da ilegalidade gangster nova-iorquina, que os seis performers e acrobatas vão transportar o público, num cocktail que mistura cinema, teatro, trip-hop, amores proibidos e “acrobacias de tirar o fôlego”, como descreveu recentemente o canal de televisão francês M6, após a atuação da companhia no Palais des Glaces, em Paris, este verão.

“Speakeasy” faz parte do cartaz do I Festival Internacional de Circo do Porto, que se realiza entre 13 e 16 de setembro. Produzido pelo Coliseu, em parceria com a Porto Lazer, este festival dedicado ao novo circo vai oferecer aos públicos de todas as idades 44 espetáculos gratuitos em cinco palcos espalhados pela cidade. O Festival Internacional de Circo do Porto é cofinanciado pelo NORTE 2020, no âmbito do Portugal 2020, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).

Menos de uma semana depois, no sábado, 22 de setembro, o palco da Sala Principal vai encher-se com os violinos e violoncelos, trompetes, flautas e contrabaixos da Orquestra Metropolitana de Lisboa, dirigida pelo maestro Pedro Amaral. No piano teremos um convidado muito especial: Mário Laginha, pianista e compositor que conta com mais de três décadas de carreira.

Este Concerto de Outono dá as boas-vindas à nova estação com um belíssimo programa clássico: “O Pássaro de Fogo”, de Stravinsky, “Rhapsody in Blue”, de Gershwin, e “No Reino da Natureza”, Op. 91, de Dvořák. Uma coprodução entre o Coliseu Porto Ageas e a Orquestra Metropolitana de Lisboa, com o apoio da Santa Casa da Misericórdia do Porto.

Uma das grandes apostas do Coliseu, a ópera de qualidade, regressa ao Porto na noite de 20 de outubro. Após esgotar o Teatro Nacional de São Carlos, “La Traviata” apresenta-se no Coliseu Porto Ageas com a soprano russa Ekaterina Bakanova no papel de Violetta Valéry. O mesmo papel com que, na Royal Opera House, arrebatou público e crítica especializada. No papel de Alfredo Germont estará Luís Gomes, o tenor português que arrecadou, este domingo, dois prémios na prestigiada competição mundial Operalia, criada pelo maestro e tenor espanhol Plácido Domingo.

“La Traviata” mantém aqui a sua génese italiana, com direção musical do maestro milanês Michele Gamba e reposição de encenação e desenho de luz do veneziano Massimo Gasparon. A encenação, cenografia e figurinos são da autoria de um dos mais reputados encenadores operáticos do mundo, Pier Luigi Pizzi, que trabalhou com Giorgio Strehler. A parceria entre o São Carlos e o Coliseu Porto Ageas teve o seu primeiro momento visível em outubro do ano passado, com o concerto encenado “Turandot”, de Giacomo Puccini. Há 33 anos que o TNSC não se apresentava no Coliseu. Dia 20 de outubro, às 20h00, o Coro do São Carlos e a Orquestra Sinfónica Portuguesa regressam a um dos melhores palcos do país para récitas de ópera, acompanhados por um elenco nacional e internacional de luxo.

Em dezembro, manda a tradição que o grande chapitô da cidade do Porto monte a pista e receba alguns dos melhores artistas mundiais de circo atualmente em digressão. Verdadeira festa de talento, surpresa e fantasia, o Circo de Natal acontece ininterruptamente desde que as portas desta sala histórica se abriram, em 1941. Completamente programada pelo Coliseu Porto Ageas, a grande estreia acontece no dia 14 de dezembro e, até 1 de janeiro, haverá perto de 40 sessões, para o público em geral, escolas e empresas que optam por fazer no Coliseu a sua festa de Natal. O programa será divulgado em breve e os bilhetes colocados à venda.

Componente fundamental do Coliseu são os espetáculos dos vários produtores culturais e de entretenimento, que fazem com que esta seja a sala de todos os públicos. Até dezembro estão anunciados quase espetáculos, entre música portuguesa, grandes nomes do Brasil, bailado e comédia. Para conhecer todos os espetáculos de acolhimento já anunciados, consulte o site.