Dias da Dança encerra a 4 de maio

O espetáculo de encerramento do Festival Dias da Dança acontece este sábado, 4 de maio, às 22h00, no Coliseu Porto Ageas, com duas coreografias em estreia nacional, interpretadas pela GöteborgsOperans Danskompani, a companhia de Dança da Ópera de Gotemburgo, na Suécia.

Da coreógrafa israelita Sharon Eyal, a companhia apresenta “Autodance“. Uma obra estreada mundialmente em março do ano passado, na Suécia, que combina dança, música techno da autoria de Ori Lichtik e diferentes técnicas coreográficas. Em palco, os bailarinos surgem em cena sem género definido e com as pernas acentuadas para que se pareçam com poderosos centauros, oferecendo um resultado visual e emocional por vezes explosivo, por vezes subtil, mas sempre sublime.

A segunda coreografia, intitulada “Skid“, é do criador franco-belga Damien Jalet, e tem como cenário um palco inclinado a 34 graus, onde os bailarinos lutam constantemente contra a gravidade. Esta metáfora pretende ser uma reflexão sobre o desejo de chegar mais longe, o triunfo pessoal e o medo. A criação de Damien foi um sucesso na sua estreia mundial na temporada passada e agora está em demanda por toda a Europa. Em 2017, o coreógrafo foi nomeado para dois dos principais prémios do mundo da dança – o alemão Der Faust e o da revista Tanz para “Melhor Coreógrafo”.

É o quarto ano consecutivo em que o Coliseu se associa ao Festival Dias da Dança, que decorre de 24 de abril a 25 de maio de 2019, nas cidades do Porto, Matosinhos, Gaia e Viana do Castelo, este ano associado ao FITEI. Desde 2016 que o DDD pretende trazer (ainda) mais movimento à cidade, e no dia 4 de maio tem o desafio extra de levar a dança contemporânea a mais públicos, no maior teatro da região Norte.

Os bilhetes custam 10 euros e estão à venda no Coliseu, Teatro Rivoli, Ticketline e locais habituais.