Diz que é um “otrok”! “O”…quê?

Nós explicamos: Otrok é uma marca de fatos de banho 100% portuguesa, para crianças de 1 aos 10 anos.

Esqueçam a natação chata e os fatos de banhos pretos, azuis e cor-de-rosa. É verdade sim senhor que a roupa que usamos também aumenta a nossa auto-estima! Que o digam os meninos e meninas “otrok” e os pais que, graças a esta marca trendy e fun conseguiram pôr fim às birras na hora de ir para mais uma aula de natação! Se já estão a planear o regresso aos cursos intensivos de natação, sim, é verdade, quando der conta, setembro está já aí, então lembre-se que a “otrok” dá uma valente ajuda! Vai um mergulho?

Joana Veiga de Macedo, a fundadora da marca, DAT’conversa:


– Um ano passado da criação da Otrok, que balanço se pode fazer?

Este primeiro ano serviu para sentir o pulsar do mercado. Sabemos que o negócio online não é um mercado fácil mas temos já um retorno muito interessante. Já enviamos “otrok” para Inglaterra, Suécia, França, Espanha (um dos mercados mais interessados).


– Para quem ainda não conhece, apresente-nos a Otrok.

A Otrok é uma marca de fatos de banho 100% portuguesa, para crianças de 1 aos 10 anos. Nasceu de uma necessidade de inovar e criar produtos divertidos para as aulas de natação dos mais pequenos. A Otrok é um estilo de vida livre, alegre e divertido porque viver é muito bom!


– Que tendências para o verão?

Por ano, a Otrok lança 4 a 5 coleções sempre em pequenas quantidades porque preferimos kits com um número reduzido de peças já que a nossa aposta passa pela diversidade e, em certa medida, por uma espécie de exclusividade. A ideia inicial é que quando olhamos para uma piscina, em que só vemos as cabeças das crianças, os pais consigam identificar os filhos pela touca. O distintivo da nossa marca passa mesmo pelos padrões cada vez mais arrojados. Oferecemos conforto, estilo e design. As tendências para o verão passam pelas tangas. As grandes novidades: a coleção Gray Scale e a Gray Neon (já online).


– Quais as principais preocupações na escolha dos artigos?

A nossa prioridade tem a ver com um preço acessível, com licras grossas e resistentes, com padrões diferentes e ousados. A nossa primeira temática foi a rainbow, com muita cor e vamos lá voltar em setembro. Aliás, setembro representa o nosso grande boom porque é quando começam os novos cursos de natação. A nossa ideia é afastarmo-nos da “bonecada”. Queremos padrões com folhas, flores (…) que nunca os veríamos num kit de natação e por isso, a nossa ideia é que seja alegre, vivo e fácil de identificar porque é tão diferente dos outros que facilmente se diz que é um “otrok”. Tenho tido esse retorno das mães. Quando escolho as coleções a primeira preocupação que tenho é mesmo com a qualidade; com a forragem do kit de natação. Além disso, somos muito exigentes com os acabamentos, procuramos linhas (de coser) resitentes e licras que “sobrevivem” ao cloro. Ficamos com a sensação de missão cumprida, sempre que um menino ou menina que não gostava de natação passa a gostar, à boleia dos fatos de banho.


– Conselhos para quem quer ter os filhos trendy.

Efetivamente caminhamos para um mercado em que as coisas baratas também podem ser bonitas e funcionais. Na “otrok” acrescentamos o orgulho que a criança sente naquilo que usa. As fotos que os pais partilham mostram crianças com sorrisos e felizes. A melhor coisa é esta, este retorno. O trendy para nós passa por saber que proporcionamos sorrisos e momentos felizes às crianças.


– Quem são mais vaidosos? As mães (e pais) ou as próprias crianças?

Todos nós gostamos que os nossos filhos estejam bem vestidos e com boa figura. A “Otrok” está cá também para despertar o lado mais vaidoso de cada um. Mas sim, as mães destacam-se nesta matéria.


– Uma das grandes vantagens da Otrok é a loja online. Quem são os vossos clientes?

Temos todo o tipo de clientes, como se verifica através das bloggers de diferentes áreas temáticas. Para nós, os clientes são mães e pais e crianças. A comunicação tem sido muito boca-a-boca. Que as piscinas de Portugal se deixem invadir pelos nossos “otrok”!


– Onde querem chegar com a marca?

O céu seria o nosso limite! Mas eu já ficava contente que chegasse às crianças que praticam natação. Ainda não temos estratégia de internacionalização porque estamos para já a trabalhar na implementação da marca em Portugal. O nosso foco não é a praia, porque, apesar de vendermos alguns kits para praia, a verdade é que as nossas grandes ondas estão nas piscinas e nos praticantes de natação. Queremos crescer mas sempre com os pés bem assentes na terra e de preferência com uma piscina ao lado. Vai um mergulho?