Do Chile para Amarante

Andrés Madariaga é o grande Vencedor do IV Festival/Concurso Internacional de Guitarra de Amarante, que decorreu de 30 de junho a 8 de julho.

O jovem chileno, de 31 anos que, atualmente, estuda em Salzburg, na Aústria, é o grande vencedor da Categoria F, do IV Festival/Concurso Internacional de Guitarra de Amarante, evento organizado pelo CCA – Centro Cultural Maria Amélia Laranjeira, que conta com o apoio da Câmara Municipal.

Andrés Madariaga iniciou os seus estudos em 2005, ingressando no Bacharelado em Interpretação Musical no Conservatório de Música da Universidade Austral do Chile, com o professor Wladimir Carrasco.

Durante a sua, ainda, curta carreira, já pisou diversos palcos, um pouco por todo o Chile e em países como Argentina, Alemanha, Áustria, Bolívia, Brasil, Espanha, Grécia, Itália e México. Conquistou importantes prémios nacionais e internacionais: Primeiro Lugar no concurso “VII Liliana Pérez Corey”, organizado pela Escola Moderna de Música (2007), o prémio concedido pela SCD, prémio “Melhor interpretação do trabalho chileno” e o prémio “Escola Moderna”. Conquistou, também, o Primeiro Lugar e Prémio do Público no “II Concurso Internacional de Guitarra e Seminário “Vital Medeiros” São Paulo, Brasil (2009) e o Segundo Lugar no “V Concurso e Festival Internacional de Guitarra Clássico de Cochabamba”, Bolívia (2008).

Participou como solista em diferentes cidades do país, em diversos Recitais, nas temporadas de Concertos do Conservatório da Universidade Austral do Chile e no “Festival Internacional de Guitarra Entrecuerdas”. Como solista, tocou, ainda, com a Orquestra do Congresso da Nação de Buenos Aires, a Orquestra de Câmara do Conservatório de Música da Universidade Austral do Chile e com a Orquestra Filarmônica Regional de Valdivia.

Participou em cursos e Masterclasses com diversos mestres internacionais e nacionais, entre eles Leo Brouwer, Marco Tamayo, Pablo Márquez, Maria Isabel Siewers, Fábio Zanón, Marco Socias, Ricardo Gallén, Carlos Pérez, Luís Orlandini, o destacado Laudista Eduardo Egüez (Argentina) entre outros, nos clássicos tempos da guitarra em Frutillar e Musicampus, Córdova, Argentina.

Andrés Madariaga leva para casa um cheque de 5000 euros e fará a abertura da quinta edição do Festival/Concurso Internacional de Guitarra de Amarante. Após o comprovado sucesso desta  edição, já se pensa na V edição, com o objetivo de prosseguir a senda do sucesso alcançado veiculando, afirmando e reforçando o valor da guitarra clássica não só na comunidade amarantina como também na comunidade guitarrística portuguesa.