Doreen, de David Geselson, no D. Maria II

Doreen, do dramaturgo e encenador francês David Geselson, apresenta-se pela primeira vez em Portugal, de 13 a 17 de fevereiro, na Sala Garrett do Teatro Nacional D. Maria II.

Estreado em novembro de 2016 no Théâtre de Vanves, Doreen venceu o prestigiado prémio do Syndicat de la Critique para “Melhor Criação em Língua Francesa 2017”. Depois de dois anos de apresentações em França, o espetáculo chega agora a Lisboa.

Em Doreen, David Geselson, parte da livro Letter to D., escrito pelo filósofo e jornalista francês André Gorz para a sua mulher, Doreen Keir, quando esta foi diagnosticada com uma doença incurável. No espetáculo, o público é transportado para o ano de 2007 e para o apartamento do casal, na noite em que ambos são encontrados mortos, juntos, na cama que partilhavam, após 58 anos de vida em comum. Um contraponto à confissão pública de Gorz, neste espetáculo ouvimos a história a partir do ponto de vista da mulher, numa tentativa entre a realidade e a ficção.

Com interpretação de David Geselson e Laure MathisDoreen é uma criação de David Geselson e estará em cena na Sala Garrett de 13 a 17 de fevereiro. No dia 16 de fevereiro haverá ainda uma conversa com os artistas após o espetáculo.