Esculturas de Pedro Cabrita Reis em Santo Tirso

Trinta esculturas do artista plástico Pedro Cabrita Reis, quase todas inéditas, vão estar expostas de 03 de julho a 22 de setembro no Museu Internacional de Escultura (MIEC), em Santo Tirso.

Denominada Pedro Cabrita Reis. La Grande Table, et al?, a exposição reúne esculturas feitas a partir de materiais tão díspares como “metal, cimento, plástico, madeira e borracha”, combinando “desperdícios de construção com objetos do quotidiano”.

Estes objetos, “abandonados pelos seus possuidores, por aparente perda de utilidade imediata”, “são atenta, obsessiva e criteriosamente recolhidos pelo artista no seu atelier, que ao sabor do tempo e da vontade, lhes dá uma nova vida, plena agora de significados, históricos, filosóficos, políticos e também poéticos”, lê-se no comunicado da Câmara de Santo Tirso.

A exposição será um percurso “entre peças volumosas que se combinam entre si” e uma mesa, com cerca de 70 metros, que dá o nome à exposição, onde “estarão expostos os restantes trabalhos de menor dimensão”, sublinha o responsável do MIEC.