Foi picado por um inseto? Não aplique uvas nem facas

Quem não se lembra de pressionar uma uva com uma faca sobre uma picada de abelha? Esta é daquelas mezinhas que deve abandonar. Saiba porquê e o que fazer se for picado.

Nesta altura do ano são frequentes as picadas de inseto, sejam elas quais forem. Portugal é dos países com menos insetos perigosos pelo que é rara a complicação grave ou mesmo morte provocada por uma picada. Aplicar uma uva ou uma faca e colocar vinagre sobre uma picada é um remédio caseiro habitual das nossas avós. Não o deve fazer sob risco de infetar a zona picada.

As crianças, idosos, doentes imunodeprimidos e pessoas com alergias ou sensibilidade conhecida à picada do inseto têm maior probabilidade de complicações. Se frequentar zonas com muitos insetos, viajar para países quentes ou for suscetível a picadas use um repelente de insetos.

O que fazer se for picado por um inseto? 

  1. se viu o inseto identifique-o, se possível fotografe-o (poderá mostrar ao médico se surgir alguma complicação);
  2. se tiver um ferrão retire-o e lave a zona picada com água corrente e sabão neutro;
  3. aplique gelo com um pano limpo (nunca diretamente) por períodos de 10 minutos várias vezes ao dia;
  4. se tiver dor tome um analgésico (paracetamol ou ibuprofeno);
  5. se tiver comichão tome um anti-histamínico (cetirizina, bizantina, hidroxizina, etc.) ou aplique uma pomada de cortisona 2 vezes por dia durante uma semana (ex: hidrocortisona em creme 10mg/g). Evite coçar já que as unhas são uma fonte de contaminação que podem infetar a zona da picada;
  6. Aguarde alguns dias até melhorar por completo.


Quando recorrer ao serviço de urgência após uma picada?

  • Se surgir falta de ar, dificuldade em engolir ou a sua cara começar a inchar;
  • Se começar a sentir fraqueza, náuseas e vómitos, taquicardia (mais de 100 batimentos cardíacos por minuto) ou ficar desorientado.

Devo procurar tomar um antibiótico assim que for picado?

O antibiótico é na maioria das vezes desnecessário, principalmente se adotar as medidas acima referidas. Recorra ao médico se passados alguns dias a zona da picada em vez de melhorar ficar mais vermelha, quente, inchada e com pus ou se surgir febre ou sensação de mal-estar e cansaço. Pode ligar ao CIAV (Centro de Informação Antivenenos) – 808 250 143 – para aconselhamento sobre a atitude a tomar.

Como posso evitar as picadas?

Use roupa clara e mais larga. Evite andar descalço. Use repelente de insetos (à venda nas farmácias e parafarmácias). Se frequentar o campo e zonas com muita vegetação use calçado alto, calças e eventualmente luvas se tiver que usar as mãos. Se pensa viajar para um país tropical lembre-se que é maior a probabilidade de ser picado por isso adote estas medidas.

As picadas de inseto são frequentes mas raramente perigosas em Portugal. Se for picado aconselha-se identificar o inseto (se possível), tirar o ferrão, passar a zona picada por água corrente, aplicar gelo, controlar a dor e evitar coçar. Recorra a um serviço de urgência se sentir falta de ar, dificuldade em engolir, a sua cara começar a inchar ou caso se sinta mal depois da picada. Se passado alguns dias estiver a piorar recorra a uma consulta médica. O antibiótico é muitas vezes desnecessário. Proteger a pele com roupa e repelente são medidas para evitar picadas.

Fonte www.oteumedicodefamilia.com