Hypersex de Moullinex 360º

Um ano depois da épica celebração de 24h que marcou a edição do álbum no MAAT, e de ter corrido palcos como Vodafone Mexefest, Rock in Rio, Casa da Música, NOS Primavera Sound, Razzmatazz Barcelona, Low Fest em Benidorm, Istambul, Londres, Cidade do México, Dubai e Nova Delhi... dia 31 de outubro, o "Hypersex" de Moullinex regressa a Lisboa no seu formato 360º, desta vez, no mítico e imponente Capitólio.

Moullinex volta a juntar músicos, performers, artistas visuais, ativistas, profissionais do escapismo militante e party animals amadores debaixo do mesmo teto, para uma celebração da Club Culture em todas as suas vertentes sociais, culturais e políticas. Uma noite (das 21h00 às 04h00) de concerto de Moullinex com convidados especiais; DJ sets da australiana baseada em Londres HAAi e do seu colega de editora, Xinobi; concerto de MEERA, o mais novo projeto editado pela Discotexas; e uma competição de Ballroom de dimensões inéditas em Lisboa, em parceria com a já conhecida Grooveball!

Sim, House of Hypersex é uma sentida homenagem aos históricos Ballrooms novaiorquinos da década de 80, ponto de encontro, inclusão e expressão de comunidades, indivíduos e minorias ostracizadas.

Mas será, também, e acima de tudo, uma festa, uma grande festa, que terá várias edições ao longo de 2018/19, para ocupar, em Lisboa, um espaço de culto e celebração de diversidade, escapismo, excentricidade e do incomum. Em suma, é uma carta de amor escrita a várias mãos e aberta a todos os que partilhem a mesma paixão pela pista de dança e club culture.

Queremos mais uma vez juntar os que acreditam que a pista é maior que a soma das partes que a compõe, para criar uma festa que não terá o epicentro num concerto, DJ ou palco, mas antes privilegia uma hiperligação entre o público, performers e espaço.

House Of Hypersex é uma casa grande de mais para apenas “um” ou para “alguns”. Por isso, nesta primeira edição, lançamos um Open Call a performers, drags, estilistas, bailarinos, criadores, loucos e sonhadores que competirão e desfilarão, perante um rigoroso Júri, por um lugar cativo na House of Hypersex. As categorias da Ballroom e a mecânica de inscrições serão anunciadas brevemente nas redes sociais de Moullinex.

O público não tem que entrar na competição para estar 100% Hypersex mas, quem caprichar no outfit, vai ser recompensado e, porque dia 31 também é Halloween, lançamos já o mood de dress code: “Freaks come out at night!”

Porque as coisas melhores acontecem quando se ultrapassam fronteiras e muros, quando todos sabem que são parte integrante de algo, e não simples espectadores, quando abraçamos os desconhecidos e valorizamos a diferença e estranheza e quando, no fim da festa, trocamos papéis, palavras, simpatia, beijos, roupas e quase sempre o dia pela noite…

Caso contrário, mais vale ficar em casa.