Kastelo angaria cerca de 70 mil euros em Leilão de Arte

O leilão de arte a favor do Kastelo, realizado na Casa da Arquitectura, no qual participaram 62 artistas plásticos contemporâneos com a doação de obras, permitiu à Associação No Meio do Nada angariar cerca de 70 mil euros, que revertem na sua totalidade para a primeira unidade de cuidados paliativos da Península Ibérica que se encontra localizada em São Mamede de Infesta.

Com este montante, o Kastelo vai conseguir concretizar alguns dos projetos da instituição, nomeadamente a aquisição de uma máquina de Raio X, bem como o pagamento final do Parque Aquático adaptado às necessidades especiais das crianças do Kastelo, inaugurado em 2018.

De acordo com Teresa Fraga, diretora técnica do Kastelo “a aquisição de uma máquina de Raio X é fundamental para as crianças do Kastelo, pois a maioria delas tem necessidades especiais, estão dependentes da ventilação mecânica e a sua mobilidade é muito reduzida. Com este equipamento poderão realizar os exames necessários para os seus tratamentos, sem terem que se deslocar a uma unidade hospitalar”, explica.

O evento que reuniu num jantar de beneficência mais de 200 pessoas, teve como objetivo ajudar a tornar o Kastelo um espaço ainda mais adaptado às necessidades de crianças com deficiências profundas.

De entre as obras em leilão estiveram trabalhos de Albuquerque Mendes, Alvarinho Siza, António Olaio, Ana Jotta, Ana Vidigal, Armando Alves, Baltazar Torres, Carlos Nogueira, Carrilho da Graça, Cristina Rodrigues, Cristina Mateus, Cristina Ataíde, Eduardo Souto Moura, Fernando Marques de Oliveira, Francisco Laranjo, Graça Morais, Graça Sarsfield, Gerardo Burmester, Gil Heitor Cortesão, Graça Pereira Coutinho, Ilda David, Isabel David, Isabel Cabral, Joana Rego, José Emídio, José de Guimarães, Jorge Martins, Jorge Curval, Joana Vasconcelos, João Onofre, João Santa Rita, João Jacinto, José Pedro Croft, Luís Vilhena, Luísa Mota, Luísa Penha, Manuel Casimiro, Manuel Porfírio, Manuel Rosa, Martim Brion, Mauro Cerqueira, Miguel Branco, Nadir Afonso, Nikias Skapinakis, Noronha da Costa, Nuno Brandão Costa, Olga Noronha, Paulo Neves, Pedro Calapez, Pedro Cabrita Reis, Pedro Centeno, Pedro Proença, Pedro Tudela, Rita Magalhães, Rodrigo Cabral, Rosa Carvalho, Sá Coutinho, Sofia Areal, Siza Vieira, Sobral Centeno, Vera Mota e Zulmiro de Carvalho.

O leilão de arte integrou na sua Comissão de Honra diversas personalidades da cultura como Ana Pinho, Presidente da Fundação de Serralves, Isabel Pires de Lima, ex-ministra da cultura e professora da Universidade do Porto, José Manuel Dias da Fonseca, Presidente da Casa da Arquitectura, Luísa Salgueiro, Presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, e o arquiteto Siza Vieira.

A iniciativa que contou com o apoio da Câmara Municipal de Matosinhos, da Fundação de Serralves e da Casa da Arquitectura, foi organizada por Isabel Fragoso, uma das madrinhas do Kastelo, e contou com o apoio do pintor Sobral Centeno.

A curadoria do evento ficou a cargo de Bernardo Pinto de Almeida, ensaísta, crítico de arte e professor catedrático na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, tendo a ação contado com o Alto Patrocínio da Presidência da República.

Teve ainda o apoio da empresa de Socatering, do chef Hélio Loureiro e da New Audiovisuais.