Medicina Interna e a urgência hospitalar

O Núcleo de Estudos de Urgência e do Doente Agudo (NEUrgMI) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI) vai realizar nos dias 17 e 18 de novembro, no Fórum Luísa Todi, em Setúbal, o 4º Congresso Nacional da Urgência.

O 4º Congresso Nacional da Urgência é dirigido a internistas, internos e outros profissionais de saúde interessados em patologia emergente, urgente e aguda.

“O especialista em Medicina Interna tem hoje um papel fundamental no contexto hospitalar, e em particular nos serviços de urgência”, refere Maria da Luz Brazão, Coordenadora do NEUrgMI. “Desta forma, é nossa missão dotar os profissionais desta área de conhecimentos e experiência, através do cruzamento de visões e análise de situações práticas”.

Na edição deste ano, acrescenta a internista, “os temas a abordar vão desde as doenças do coração e do cérebro nos serviços de urgência, passando pelas intoxicações ou a gravidez nas urgências, bem como pelo processo de reanimação, sem esquecer a habitual análise de casos clínicos com televoto”.

Nos dias 15 e 16 de novembro, os interessados terão a oportunidade de participar nos diversos cursos pré-congresso a realizar, como o de ecografia na urgência, ou o de suporte avançado de vida em insuficiência cardíaca, que terão lugar no Hospital de São Bernardo e na Casa da Baía, respetivamente.

No final do dia 17 de novembro serão ainda apresentados os trabalhos científicos submetidos para este Congresso, sendo os vencedores dos prémios anunciados durante a sessão de encerramento do evento.