Museu Nadir Afonso em Chaves recebe obras de Serralves

Helena Almeida - Habitar a obra: Na Coleção de Serralves é uma exposição realizada a partir de obras da Coleção de Serralves, a ser apresentada no MACNA – Museu de Arte Contemporânea Nadir Afonso pelas 18h00 horas de dia 7 de maio, no âmbito do acordo de integração do município de Chaves como Fundador de Serralves.

Como resultado da parceria estabelecida entre a Fundação de Serralves e o Município de Chaves, esta cidade recebe a partir de 7 de maio, a exposição HELENA ALMEIDA – HABITAR A OBRA: NA COLEÇÃO DE SERRALVES. Esta iniciativa integra-se num programa de exposições e apresentação de obras da Coleção de Serralves especificamente selecionadas para os locais de exposição com o objetivo de tornar o acervo acessível a públicos diversificados de todas as regiões do país.

Esta exposição que o MACNA acolhe até 20 de outubro reveste-se de especial significado por ser a primeira exposição após o falecimento da artista Helena Almeida, considerada uma das maiores referências das artes visuais contemporâneas nacionais.

Com esta exposição, que parte de um importante núcleo representativo da obra de Helena Almeida na sua Coleção, Serralves pretende também homenagear a artista recém-falecida, após a grande exposição que lhe dedicou em 2015 e que nos dois anos seguintes viajou para o Jeu de Pomme, em Paris, para o Centro de Arte Contemporânea Wiels, de Bruxelas, e para o IVAM, em Valência.

Após a inauguração seguir-se-á uma conversa entre Marta Moreira de Almeida, comissária da exposição, e Bernardo Pinto de Almeida, historiador de arte e conhecedor da obra de Helena Almeida, num renovado gesto de homenagem à artista.