O Evangelho de Van Gogh

Depois da carreira de sucesso dos espetáculos Não Kahlo (2018/19) e Kusama e Warhol (2019/20), As produções D. Mona estreiam O Evangelho de Van Gogh.

O espetáculo O Evangelho de Van Gogh tem estreia prevista para dias 6 e 7 de Junho ’20 no Centro Cultural de Carnide, inserido na programação das Festas de Lisboa’20, iniciando digressão nacional e internacional a partir desse mês, subindo à cena em Cabo Verde, Madrid e Sevilha.

O espetáculo une a história do pintor pós-impressionista Vincent Van Gogh, com o seu espírito artístico irreverente, aos universos fantásticos do texto gnóstico Pistis Sophia, à Dismaland, de Bansky, e ao evangelho de Maria Madalena. O Evangelho de Van Gogh é um evangelho de imagens, catastroficamente feminino: a maçã envenenada da Branca de Neve é a mesma que beijou os lábios de Adão, a cruz de Cristo é aquela que crucifica a mascote da McDonalds, a lua pintada por Gogh é a que foi pisada pelo astronauta James Irwin, e, por fim, as palavras vibrantes de Sophia (Deusa da Sabedoria) transformam o jardim do Éden num parque de diversões.