Obra de Paula Rego em debate

Cécile Debray e Catarina Alfaro debatem obra de Paula Rego em Serralves, a 12 de fevereiro, pelas 19h00.

“PAULA REGO: DOS CONTOS TRADICIONAIS AOS CONTOS CRUÉIS” – com Cécile Debray, Diretora do Musée de L’Orangerie, Catarina Alfaro, Coordenadora da Programação e Conservação do Museu Casa das Histórias Paula Rego/Fundação D. Luís I, e moderação de Marta Moreira de Almeida, Diretora Adjunta do Museu de Serralves e Denise Pollini, Coordenadora do Serviço Educativo do Museu de Serralves.

A investigação de Paula Rego sobre os contos populares e a subsequente produção artística revelam como a sua prática criativa e o seu imaginário pessoal encontram o seu correspondente literário nos contos tradicionais. Neles encontramos, por detrás da fantasia e do sobrenatural, tal como na obra da artista, histórias cruas e violentas que podemos relacionar com um percurso iniciático.

Neste debate, Catarina Alfaro convida o público a explorar a dimensão do universo poético e imagético de Paula Rego. Na segunda intervenção, Cécile Debray realiza uma reflexão sobre a receção da obra singular da artista entre o público francês, durante a exposição “Les contes cruels de Paula Rego”, apresentada no Musée de l’Orangerie, em Paris.