POSTER mostra fotógrafos, designers, ilustradores, chefs e músicos nas paredes de Marvila

Entre os artistas convidados, está Helena Almeida, os fotógrafos italianos Luigi Spina e Maria Vittoria Trovato, as ativistas Guerrilla Girls, e os improváveis David Fonseca e Chef Diogo Noronha. POSTER MONSTRA tem quarta edição marcada nas ruas de Marvila entre os dias 22 de junho e 22 de julho.

O POSTER MOSTRA, o projeto do Departamento® que espalha arte pelas ruas de Marvila, é novamente curador de uma galeria pública a céu aberto. O POSTER MOSTRA acontece entre os dias entre os dias 22 de junho e 22 de julho e revela agora todos os participantes desta quarta edição em Lisboa.

Em parceria com o Museu Nacional de Arte Contemporânea do Chiado, o POSTER confirma a presença de uma obra de Helena Almeida, uma das mais relevantes artistas plásticas portuguesas, falecida no ano passado. Esta obra acompanha a matriz conceptual que é marca da artista, em volta do autorretrato e as pinceladas de azul.

Outro artista aclamado é o italiano Luigi Spina, que desenvolve texturas, materiais e memória nostálgica através da fotografia, ao captar a destruição progressiva de monumentos e esculturas. Luigi Spina está neste momento em exposição no Museu do Capitólio, Roma. Ainda de Itália, Maria Vittoria Trovato é a fotógrafa que esteve recentemente em foco após completar um ensaio sobre as plataformas petrolíferas e os navios de carga. Na fotografia, destaque inclusive para o alemão Horst Friedrichs, vencedor do prémio Gold Lead de melhor fotografia documental, atualmente sediado em Londres, onde desenvolveu uma série dedicada à cultura MOD e os Alfaites de Savile Row.

Nesta edição do POSTER está presente um nome que é indissociavel da atual discussão da inclusão na arte: Guerrilla Girls. As artistas, e ativistas feministas, trabalham em anonimato e levaram as questões da descriminação na cultura para as grandes instituições culturais, tendo exposto trabalhos recentes na Tate Modern, em Londres, ou no Museu de Arte de São Paulo.

Após a participação dos Dead Combo e Surma na edição anterior do POSTER, os músicos portugueses voltam a surpreender com uma polivalência na criação de arte visual. David Fonseca, músico com mais de 20 anos de carreira, desde os tempos de Silence 4 ao último “Radio Gemini” em nome próprio, demonstra a mesma aptidão para as artes visuais que já empregou nos próprios videoclips e em exposições fotográficas, tendo publicado um livro de recolha das suas fotografias em Polaroid (“Right Here, Right”). O outro músico presente é Hélio Morais, nome incontornável da música independente portuguesa, e baterista das bandas Linda Martini e Paus.

As outras participações improváveis são de dois chefs indissociáveis dos últimos anos de revolução gastronómica em Lisboa. O Chef Diogo Noronha, responsável pelo restaurante Pesca, e com passagem recente pela Casa de Pasto e a Vinharia no Cais do Sodré, e no Rio Maravilha, no Lx Factory. O segundo Chef é Jos*, pseudónimo do mexicano Jose Fernando Rodriguez Garrido, que chegou a Lisboa pela Embaixada do México e ficou pelo restaurante Pistola & Corazon. Jos* apresenta-se em colaboração com o projeto de inovação social Manicómio, sendo que numa edição passada do POSTER já esteve presente a Cláudia R. Sampaio, hoje um dos membros principais desde projeto que pretende legitimar artistas portugueses com doenças mentais.

Marusa Stibelj é a ilustradora da Eslovénia que venceu o Grande Prémio de Ilustração do Salon des Beaux Arts do Louvre e é parte da organização do KAOS, o maior Festival de Ilustração da Europa.

O POSTER confirma ainda a participação de AkaCorleone (Pedro Campiche), o designer português Desisto, o fotógrafo Arlindo Camacho, o ilustrador e designer Bruno Lisboa, o designer Frederico Mancellos, a ilustradora e tatuadora Espirro, o atelier de arquitectura Aspa, o fotógrafo de moda Celso Colaço, e o escritor angolano Ondjaki.

Além dos artistas convidados, o POSTER revela os vencedores da Open Call que terminou no dia 15 de maio com 128 participantes, que vão ter o seu trabalho exposto nas mesmas ruas que os artistas consagrados. Os vencedores são: Rui Pinho; Pitanga (Joana Rodrigues); Matilde Cunha; Paulo Picamilho; Fátima Bravo; Gui Athayde; Rui Melo; Studio Saygrrr; Mariana Corda; João Marques